top of page
  • André Martins

Bing Dwen Dwen, uma mascote que se tornou um fenómeno

O panda que é mascote dos Jogos Olímpicos de Inverno esgotou tal a procura. Há quem esteja disposto a pagar dez vezes mais do que o seu preço. Uma euforia que até surpreendeu a pessoa que liderou a equipa de design.

Bing Dwen Dwen, a mascote oficial dos Jogos Olímpicos de Inverno, tornou-se o mais recente item obrigatório para os fãs, que fazem longas filas nas lojas de recordações, muitos dispostos a pagar muito mais do que o preço oficial para conseguir um panda.


No entanto, uma escassez na oferta, atribuída a problemas de produção no período do Ano Novo Chinês, que coincidiu com o início dos Jogos, fez com que se começasse a vender o brinquedo por dez vezes mais o seu preço original de 200 yuan (160 reais). Os organizadores estão a aumentar a oferta, e a comunicação social estatal publicou imagens de trabalhadores a fazer horas extra nas fábricas.


A polícia também alertou para golpes online a envolver o boneco Bing Dwen Dwen, em que os envolvidos ficam com o dinheiro e desaparecem.


Ninguém contava com esta corrida à mascote dos Jogos Olímpicos de Inverno. Nem a pessoa que coordenou a equipa de design do boneco.


"Eu pensei que algumas pessoas pudessem começar a comprar alguns depois da abertura dos Jogos, mas não esperava que se tornasse em algo tão grande", comentou o designer.

Oficialmente, em mandarim, o nome da mascote significa "criança de gelo", mas mais coloquialmente traduz-se como "chubster do gelo". O projeto final colocou o animal dentro de uma bolha transparente semelhante a gelo, inspirada na casca externa de um "tanghulu", um snack coberto com uma calda, muito popular em Pequim.

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page